Notícias Fecomercio

27 de setembro de 2018

Custo de vida na Região Metropolitana de São Paulo fica estável em agosto


Entretanto, elevação do preço da gasolina e efeitos da alta do dólar devem impactar orçamento doméstico

O Custo de Vida por Classe Social (CVCS), divulgado mensalmente pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo, ficou estável em agosto (-0,01%), interrompendo uma série de quatro altas seguidas. No acumulado dos últimos doze meses, os preços subiram 4,61%.

Enquanto os preços do grupo transportes recuaram 1,37% em agosto, sendo o principal responsável pela desaceleração do CVCS, o segmento habitação registrou alta de 0,59%. A categoria saúde e cuidados também impediu uma queda mais contundente do custo de vida já que seus preços médios avançaram 0,65%, a segunda maior pressão de alta.

Apesar do alívio momentâneo no orçamento das famílias, a FecomercioSP alerta para os impactos do novo aumento nos preços da gasolina, anunciado em 12 de setembro, que, além de encarecer os custos logísticos, tem peso relevante no orçamento familiar. Confira a matéria completa aqui.

 

Voltar para Notícias