Notícias locais

13 de abril de 2021

As empresas precisam voltar a trabalhar.


A recuperação econômica somente se dará com as empresas retomando o seu dia a dia sem interrupções, o que torna a aceleração da vacinação, dentro do Programa Nacional de Imunização (PNI), urgentíssima.

As empresas voltaram a ser impactadas nesta segunda onda, estando sujeitas a regras incoerentes de limitação de atividades econômicas em diversas localidades do País, contradições nos posicionamentos do Poder Público e ausência de coordenação dos governos municipais, estaduais e federal, agravando a situação, trazendo insegurança e nos distanciando de ações que realmente produzam resultados.

 

Em manifesto publicado nos principais jornais do País, a FecomercioSP, ao lado dos seus 136 sindicatos filiados, defende, por parte dos governos, a adoção de procedimentos planejados, coordenados e cabíveis para enfrentar a atual crise. Sugerimos, ainda, uma série de medidas, dentre elas, mais crédito emergencial, suspensão e parcelamento de tributos, flexibilização trabalhista e fiscalização efetiva das atividades à margem das leis do Brasil e das nossas empresas.

 

Somos representantes empresariais e lideramos junto da FecomercioSP o sistema sindical do Comércio de Bens, Serviços e Turismo no Estado de São Paulo.

 

Conheça o nosso manifesto na íntegra e saiba mais sobre os pleitos que defendemos: https://bit.ly/3g5o4Aq

 

19610-banner-assis-posicionamento-covid-19

Voltar para Notícias
Notícias relacionadas

    parceiros